Pesquisar

O NOVO CORONAVÍRUS, COVID-19, MATOU MAIS DE 10 MIL PESSOAS NO MUNDO.


A Pandemia do Novo Coronavírus, matou mais de 10.000 pessoas no mundo, mais de 5 mil delas na Europa, de acordo com a publicação do Correio Braziliense em 20/03/2020, foram registradas um total de  10.316 mortes, a maioria na Europa (5.168) e Ásia (3.431). Desde o início da epidemia foram contabilizados mais de 246.430 casos de contágio em 161 países ou territórios. A Itália é o país com maior números de mortes (3.405), à frente da China (3.248), onde o Coronavírus teve início.


O Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China. Provoca a doença chamada de coronavírus (COVID-19).

Os sintomas do Coronavírus são muito parecidos com uma gripe forte ou pneumonia seguidos de muita tosse, febre alta e falta de ar, dificuldades para respirar.

 ORIGEM. 
Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas são infectadas com os Coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os Coronavírus mais comuns que infectam humanos são o Alpha Coronavírus 229E e NL63 e Beta Coronavírus OC43, HKU1.

 CONTÁGIO. 
Todos nós estamos sujeitos a serem receptores ou transmissores do vírus. Concernente as formas de transmissão do novo coronavírus, já se sabe que  a forma mais comum acontece de pessoa para pessoa, corpo a corpo. Qualquer pessoa que tenha contato próximo, cerca de 1 metro, com alguém com sintomas respiratórios está em risco de ser exposta à infecção.

A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer por contato pessoal com secreções contaminadas,  como respiração contaminada  e gotículas de saliva que saem com espirro, tosse, catarro, toque pessoal, aperto de mão ou beijinhos, objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos. O período médio de incubação por coronavírus é de 3 a 7  dias, período em que os primeiros sintomas aparecer desde a infecção.

A transmissão de pessoas infectados por SARSCoV é, em média, de 7 dias após o início dos sintomas. No entanto, dados preliminares do coronavírus (SARS-CoV-2) sugerem que a transmissão possa ocorrer mesmo sem o aparecimento de sinais e sintomas. Até o momento, não há informações suficientes de quantos dias anteriores ao início dos sinais e sintomas uma pessoa infectada passa a transmitir o vírus.

 ALERTA. 
É recomendado ficar em alerta, se você tiver febre alta e dificuldade para respirar, procure atendimento médico imediatamente.
Se entrou em contato com pacientes confirmados ou retornou de viagem nos últimos dias, permaneça em casa em observação por no mínimo 7 dias.  Se houver sintomas (tosse, febre, coriza) permaneça em isolamento por 14 dias.

 MEDICAMENTO. 
Não existem medicamentos antivirais aprovados para o tratamento de COVID-19, embora estejam vários a ser desenvolvidos e a serem testados medicamentos já existentes. Em casos ligeiros, o alívio dos sintomas pode ser tentado com os mesmos medicamentos para o alívio de sintomas da constipação, ingestão de líquidos e repouso. Em casos mais graves pode ser necessária hospitalização com oxigenoterapia, soro e ventilação mecânica.  A administração de corticosteroides pode agravar o prognóstico.


S A I B A    M A I S ...


Por Cícero Valverde
    Psicoterapeuta


FONTE
* Ministério da Saúde;
* Correio Braziliense;
* Wikipedia.

Nenhum comentário:

Cadastre seu e-mail e receba nossas atualizações

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner